EM CUITEGI: VEREADORES ENTRAM NA JUSTIÇA PARA DERRUBAR BIU DO CANUDO DA PRESIDÊNCIA DA CÂMARA MUNICIPAL DO BIÊNIO 2019-2020

   Os Vereadores Zé da Padaria – PSB, Germano Monteiro – PROS, Danilla dos Santos Lino – PMDB e o Vereador licenciado, Willame Lima, foram à justiça para anular a eleição que elegeu o Vereador Biu do Canudo – PROS para a presidência da Câmara Municipal de Cuitegi para o dois últimos anos de mandato (2019-2020).
Os autores da ação judicial se apegam a um projeto de resolução que foi votado no dia 01 de janeiro de 2017, tornando possível a eleição antecipada da Mesa Diretora da Câmara Municipal, o que foi feito no mesmo dia da eleição da Mesa Diretora para o primeiro biênio – 2017-2018, quando foi o eleito o Vereador Raul Meireles para comandar a casa até 31 de dezembro de 2018 e o Vereador Biu do Canudo para o comando da Casa a partir de 01 de janeiro de 2019 a 31 de dezembro de 2020.
Para os Vereadores que reclamam na justiça a anulação da eleição, o projeto de resolução não poderia ter sido votado por se tratar de Sessão de Posse dos eleitos no pleito de 2016 e que por isso, o ato seria ilegal e consequentemente a eleição da Mesa Diretora para o segundo biênio também.
As duas eleições 1º e 2º biênios tiveram a participação de duas chapas: para o 1º biênio a chapa 1 teve como candidatos os vereadores: Raul Meireles - PP – Presidente; Cicero da Verdura –PSDB – Vice-presidente, Vivaldo França – 1º Secretário e Biu do Canudo – 2º Secretário. Já a segundo Chapa contou com Zé da Padaria – Presidente, Willame Lima – Vice-presidente, Danilla dos Santos Lino 1º Secretária e Germano Monteiro 2º Secretário,
Na eleição para o 2º biênio as chapas foram: Chapa 1: Biu do Canudo – Presidente; Vivaldo França – Vice-presidente; Jailson Pereira – PSDB - 1º Secretário e Raul Meireles – 2º Secretário. Já a segundo Chapa contou com Zé da Padaria – Presidente, Willame Lima – Vice-presidente, Danilla dos Santos Lino 1º Secretária e Germano Monteiro 2º Secretário, tendo sido eleita a Chapa 1 por 5 votos a 4. 
Entre os pedidos na ação de NULIDADE, os impetrantes requerem que seja anulada a resolução nº 01/2017 e a Eleição de Biu do Canudo como Presidente da Câmara Municipal de Cuitegi para o segundo biênio e que se coloque o Vereador Zé da Padaria para presidir a Câmara a partir de 1 de janeiro de 2019 até que se julgue o mérito da ação, ou seja, até que se encerre o processo.
Procurados pela nossa redação, o Vereador Biu do Canudo se diz confiante e que as justiça só vai ratificar o que foi feito durante a Sessão de 1º de janeiro de 2017 e que para ser Presidente é preciso ter a maioria dos votos dos parlamentares e foi a chapa encabeçada por ele que conseguiu cinco dos nove votos da Câmara. Já os impetrantes não quiseram se manifestar.
Compartilhe no Google Plus
    Faça seu comentario pelo Gmail
    Faça seu comentario pelo Facebook

0 comentários:

Postar um comentário

Os comentários publicados aqui não representam a opinião do portal e são de total responsabilidade de seus autores.

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.