CUITEGI: DIRETORA DO IPMC TEM NOME EM LISTA DE POSSÍVEIS INELIGÍVEIS DO TRIBUNAL DE CONTAS DO ESTADO DA PARAIBA POR CONTAS IRREGULARES

O Tribunal de Contas do Estado da Paraíba (TCE) julgou irregular as contas do Instituto de Previdência do Município de Cuitegi e colocou o nome da Senhora Glaucineli de Oliveira Montenegro como possível inelegível para as eleições desse ano. O processo número 02234/06 está exposto no site do TCE-PB. Glaucineli esteve à frente do IPMC durante todo o período em que Ednaldo foi Prefeito de Cuitegi, sendo que ela ainda continua dando as cartas no Instituto como Diretora Financeira ao lado de Evillane Araújo dos Santos, Presidente. A Diretora Financeira foi indicação do ex-secretário Geral, Ednaldo Paulo Lino. O Instituto tem sido alvo recorrente de denúncias do Vereador Vivaldo Franca - PPS, que afirma ter sumido um milhão de reais dos cofres do órgão somente durante o período Guilherme Madruga, fato que levou o chefe do executivo a dar explicações na Tribuna da Câmara Municipal. Procurado para comentar a lista de gestores com contas julgadas irregulares, o parlamentar apenas acrescentou que lamenta o fato de o atual Prefeito, que se diz tão honesto e transparente, deixar à frente da diretoria financeira de um órgão tão importante para os servidores, alguém cujas contas já foram reprovadas pela Corte de Contas do Estado. “Agora acho que o povo deve fazer o seu juízo de valor e ver quem está com a mentira”, disse o Vereador. Não encontramos os gestores do Instituto para comentar o fato.



VEJA A LISTA COMPLETA DOS GESTORES IRREGULARES
Compartilhe no Google Plus
    Faça seu comentario pelo Gmail
    Faça seu comentario pelo Facebook

0 comentários:

Postar um comentário

Os comentários publicados aqui não representam a opinião do portal e são de total responsabilidade de seus autores.

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.