Estudante preso por agredir namorada é achado morto dentro de cela na Central


O jovem foi enquadrado na Lei Maria da Penha e ficou recolhido em uma das celas da Central de Policia.

Créditos: Reprodução Google
O corpo do estudante Universitário sendo Eduardo Mateus Barreto Batista, 20 anos, foi encontrado por policiais, na tarde deste sábado, 14, dentro de uma das celas da Central de Polícia Civil, no bairro do Geisel, em João Pessoa.
Segundo informações da policia, o estudante foi preso pela manhã deste sábado, após agredir a namorada durante uma festa em uma Universidade. O jovem foi enquadrado na Lei Maria da Penha e ficou recolhido em uma das celas da Central de Policia.
Há indícios que o jovem tenha se enforcado com o próprio cinto. O delegado plantonista Isaias Olegário, acionou o IPC e requisitou exames toxicológicos na vítima. Após realização de perícia, o corpo foi levado para o Núcleo de Medicina e Odontologia Legal (Numol), no bairro do Cristo Redentor, em João Pessoa.

wscom
Compartilhe no Google Plus
    Faça seu comentario pelo Gmail
    Faça seu comentario pelo Facebook

0 comentários:

Postar um comentário

Os comentários publicados aqui não representam a opinião do portal e são de total responsabilidade de seus autores.

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.