SUBCOMANDANTE DO 4ºBPM DIZ QUE INFORMAÇÃO DE ATENTADO A PREFEITA DE MULUNGU FOI IRRESPONSAVEL


Darc Bandeira e major Sinval
Darc Bandeira e major Sinval
Nossa equipe de reportagem, através do repórter Germano Ferreira, conversou via rede social com o major Sinval, subcomandante do 4ºBPM, que ora responde pelo comando do batalhão, na ausência do tenente coronel Valério, que goza de suas férias. O mesmo disse que não procede a informação divulgada em alguns veículos de informação, quanto ao suposto atentado sofrido a prefeita de Mulungu, Darc Bandeira.
De acordo com Sinval, a PM foi à Mulungu atendendo a ocorrência solicitada onde a mesma dizia que alguns disparos de arma de fogo foram ouvidos próximos a fazenda de propriedade da prefeita.
“Na verdade o que houve foi que escutaram alguns disparos hoje pela manhã por volta das 9:30h, próximo à estrada de acesso à fazenda da prefeita. E pessoas viram dois veículos passando: uma caminhonete branca e um carro preto.
No local encontramos apenas disparos de arma de fogo feitos em um pé de juá. Não podemos dizer que houve atentado. Quem falar isso é irresponsável.” concluiu o major Sinval.
Mesmo sem confirmar o atentado, o major disse que orientou o marido da prefeita, Ricardo Bandeira, a prestar um boletim de ocorrências.
Policiais do GTE e do Comando estão fazendo levantamentos sobre o caso.

portal midia
Compartilhe no Google Plus
    Faça seu comentario pelo Gmail
    Faça seu comentario pelo Facebook