Mulher é presa tentando entrar com crack e maconha dentro da vagina em presídio da PB


Suspeita foi detida por agentes penitenciários e encaminhado a um hospital da cidade, onde exames de raio-x confirmaram as drogas dentro do corpo da mulher

Mulher foi encaminhada para a Delegacia de Sapé
Uma mulher foi detida na manhã desta quarta-feira (4) após tentar entrar no Presídio Regional da cidade de Sapé, na Zona da Mata paraibana e a 55 km de João Pessoa, com uma pedra de crack e 36 papelotes de maconha escondidos na vagina. A suspeita foi detida por agentes penitenciários e encaminhado a um hospital da cidade, onde exames de raio-x confirmaram as drogas dentro do corpo da mulher.

Leia também: Equipamento de ‘raio-x’ corporal acaba com revista íntima em três presídios da Paraíba

A suspeita teria ido ao presídio para visitar o seu esposo que cumpre prisão. De acordo com o agente penitenciário Anderson Santos, a mulher estaria nervosa antes de entrar para a visitação e apresentou comportamento suspeito quando foi abordada pelos agentes.

 Portal Correio

“Nos a abordamos e questionamos o comportamento dela. Como suspeitamos que ela estaria tentando entrar com drogas nas partes íntimas, e a encaminhamos para um hospital da cidade. Lá, exames de raio-x comprovaram que ela estava com objetos na vagina e a suspeita acabou confessando”, falou o agente.

A mulher retirou os objetos e ficou constatado que se tratavam de drogas. Ela foi encaminhada para a Delegacia Civil de Sapé, onde foi colhido depoimento e a detenção em flagrante. 

Após os procedimentos de praxe, a suspeita deve ser encaminhada a um presídio da Capital.

Compartilhe no Google Plus
    Faça seu comentario pelo Gmail
    Faça seu comentario pelo Facebook

0 comentários:

Postar um comentário

Os comentários publicados aqui não representam a opinião do portal e são de total responsabilidade de seus autores.

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.