passarelas; infração coloca pedestres em riscoPRF flagra mais de 500 motociclistas em


Pedestres não sentem segurança para caminhar e se assustam com as motos que chegam de repente
Assuero Lima (Jornal Correio da Paraíba)
Pedestres têm medo de serem atropelados
Já virou rotina motociclistas trafegando em passarelas no Estado. A atitude é mais um desestímulo para usar os equipamentos, pois os pedestres não sentem segurança para caminhar e se assustam com as motos que chegam de repente. Além de cometerem infração prevista no Art. 193 do Código de Trânsito Brasileiro (CTB), os motoqueiros ainda foram vistos sem capacete e sem placa, duas infrações consideradas gravíssimas. De acordo com a Polícia Rodoviária Federal (PRF), no ano passado, 508 condutores foram flagrados trafegando em passarelas construídas em rodovias federais na Paraíba. 

O Art. 193 do CTB diz: “Transitar com o veículo em calçadas, passeios, passarelas, ciclovias, ciclofaixas, ilhas, refúgios, ajardinamentos, canteiros centrais e divisores de pista de rolamento, acostamentos, marcas de canalização, gramados e jardins públicos é uma infração de natureza gravíssima”. De acordo com a assessoria da PRF, a multa neste caso, é de R$ 574,62.
Segundo a PRF, há fiscalização. “Assim como qualquer infração de trânsito, a PRF realiza a fiscalização desse tipo de conduta. Existe ainda um grande número de condutores de ciclomotores que cometem essa infração. Como esses veículos, em sua esmagadora maioria, não são registrados, não há como autuá-los (multá-los). Quando a equipe da PRF flagra, realiza a fiscalização e, se cabível, procede o recolhimento do veículo”, explicou. 
Leia matéria completa na edição desta quarta-feira (11) do jornal Correio da Paraíba.
Compartilhe no Google Plus
    Faça seu comentario pelo Gmail
    Faça seu comentario pelo Facebook

0 comentários:

Postar um comentário

Os comentários publicados aqui não representam a opinião do portal e são de total responsabilidade de seus autores.

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.