Paraibano “vende” turismo brasileiro em Bogotá


Gilson Lira
O paraibano Gilson Lira, Diretor de Mercados Internacionais (DMINT) da Embratur (Instituto Brasileiro de Turismo), está em Bogotá, desde a última quarta-feira (25), participando da Anato – Vitrine Turística da Colômbia, trabalhando para mostrar a agentes e operadores que o Brasil é um destino rico e com opções para todos os gostos. O mercado colombiano tem se destacado na emissão de turistas para o mundo.
Segundo Lira, que vem cumprindo agenda intensa de reuniões com a Embaixada, Comitê Descubra Brasil e trade colombiano, o objetivo da Embratur é conquistar esse público.
“A estratégia de promoção no mercado colombiano visa ampliar a gama de destinos já conhecidos por esses turistas, como é o caso de Rio de Janeiro e São Paulo. O grande desafio agora é atuar juntamente com a embaixada, o comitê e o trade, reunindo forças para abrir o leque de voos entre os países, possibilitando que o norte e nordeste do Brasil também façam parte dos destinos escolhidos pelos colombianos”, explica Lira.
Além das reuniões com as entidades, o diretor também falou com diversos veículos do trade, como a Colprensa, Avianca (en Revista), Vanguardia Liberal e a Ladevi, revista técnica especializada em turismo considerada o principal editorial da categoria na região.
Nas entrevistas, Lira reforçou a importância do mercado latino-americano na promoção turística do Brasil, principalmente em países como a Argentina, Paraguai, Chile, Peru, Uruguai e a própria Colômbia. Ele também voltou a destacar a variedade de opções que o País apresenta enquanto destino turístico e convidou os jornalistas a divulgarem mais  os destinos brasileiros.
“Durante os atendimentos realizados pelo trade no estande do Brasil na Anato, podemos perceber que o colombiano está muito interessado no nosso país e busca informações para planejar suas viagens”, disse ele.
De olho nos eventos esportivos – Com o crescente número de colombianos que visitam o Brasil anualmente, as ferramentas de promoção da Embratur estão focadas para atingir todos os principais públicos, como o trade, a imprensa e o público final e já visam atrair esses visitantes para a Olímpiada e os Jogos Mundiais Indígenas.
“Temos o desafio de trabalhar dois grandes eventos que o Brasil será palco novamente, os Jogos Olímpicos Rio 2016 e a primeira realização dos Jogos Mundiais Indígenas, na cidade de Palmas, ainda esse ano. Aproveitar essa oportunidade onde seremos o foco no mundo novamente vai possibilitar atrair cada vez mais novos turistas, gerando divisas, qualificação do setor, e também impulsionando melhoras nas regiões onde esses eventos acontecerão com a construção de novas estruturas e projetos sociais, consolidando o Brasil como destino desses grandes eventos.”
A Colômbia foi o terceiro pais da América do Sul que mais enviou turistas para a Copa. Já em 2013,  116 mil colombianos visitaram o Brasil, ocupando o quinto lugar, entre os turistas sul-americanos, que mais vieram ao Brasil.
MaisPB
Compartilhe no Google Plus
    Faça seu comentario pelo Gmail
    Faça seu comentario pelo Facebook

0 comentários:

Postar um comentário

Os comentários publicados aqui não representam a opinião do portal e são de total responsabilidade de seus autores.

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.