Três cidades da PB vão receber parques eólicos avaliados em R$ 487 milhões


Atualmente, a Paraíba tem 58,8 MW produzidos em 12 usinas

Marcos Santos/USP Imagens (Fotos Públicas)
Sistema permite produção de energia limpa
A joint venture Força Eólica do Brasil S.A., formada pelo grupo espanhol Iberdrola e o brasileiro Neoenergia, vai construir três parques eólicos na Paraíba, localizados nas cidades de Santa Luzia, Junco do Seridó e São José do Sabugi. Os empreendimentos têm potência conjunta de 90 megawatts (MW), sendo que cada um deverá produzir 30 MW. 



Atualmente, a Paraíba tem 58,8 MW produzidos em 12 usinas. O investimento dos três parques eólicos do Estado será de 150 milhões de euros (R$ 478 milhões), segundo informações do grupo Iberdrola. A expectativa é de que os parques estejam prontos até 2019.

A Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) realizou o leilão A-5 no final de novembro, visando à contratação de energia de pequenas centrais hidrelétricas, eólicas e termelétricas (carvão, biomassa ou gás natural em ciclo combinado). Dessa forma, a Força Eólica do Brasil venceu o leilão e ganhou o contrato de construção dos parques eólicos na Paraíba, que serão chamados de Canoas e Lagoas I e II. 

Leia a matéria completa na edição deste sábado (6) do jornal Correio da Paraíba.Portal Correio
Compartilhe no Google Plus
    Faça seu comentario pelo Gmail
    Faça seu comentario pelo Facebook

0 comentários:

Postar um comentário

Os comentários publicados aqui não representam a opinião do portal e são de total responsabilidade de seus autores.

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.