Secretário diz que motorista de carro-forte assaltado ainda não é considerado foragido

Cláudio Lima afirmou que a informação de que o motorista seria um dos mentores do crime é da Polícia pernambucana.

Cláudio Lima concedeu entrevista na tarde desta quinta-feira (Crédito: Instagram / @Moficorreio)
O secretário de Estado da Segurança e Defesa Social da Paraíba, Cláudio Lima, negou na tarde desta quinta-feira (4), que teria confirmado a participação do motorista, identificado por Rafael, do carro-forte assaltado na última terça-feira (2), como um dos mentores do crime, conforme divulgado pela imprensa paraibana. Segundo ele, a informação veio da Polícia de Pernambuco.
“A polícia de Pernambuco afirma categoricamente que ele (o motorista), na verdade fazia parte desse grande esquema”, disse Cláudio Lima.
Ainda segundo o secretário, quando o funcionário da empresa de transportes foi ouvido, não havia nenhum indício de seu envolvimento com a atividade criminosa.
“Os demais criminosos foram ouvidos e eles o acusaram. Se a Polícia da Paraíba tivesse conhecimento é claro que o teria prendido”, explicou.
A Polícia de Pernambuco só revelará o balanço completo da operação na sexta-feira (5), data em que o suposto envolvimento do motorista no caso deverá ser esclarecido com mais detalhes.
Cláudio ainda lembrou que Rafael não é foragido, pois não existe mandado de prisão contra ele, pois ele é apenas um ‘possível indiciado’.
Da Redação
WSCOM Online
Compartilhe no Google Plus
    Faça seu comentario pelo Gmail
    Faça seu comentario pelo Facebook

0 comentários:

Postar um comentário

Os comentários publicados aqui não representam a opinião do portal e são de total responsabilidade de seus autores.

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.