Dívida De Campanha Pode Impedir Posse De José Maranhão No Senado Federal

Uma dívida de campanha do então candidato a reeleição ao governo, José Maranhão (PMDB), com a agência Signo, em 2010, pode impedir a posse do peemedebista no Senado Federal no próximo ano.

É que para obter aprovação das contas de sua campanha junto ao Tribunal Regional Eleitoral da Paraíba (TRE-PB), José Maranhão parcelou o débito, estimado em R$ 500 mil, mas, segundo o proprietário da agência, o publicitário Anderson Pires, o acordo não teria sido cumprido.

Uma ação de cobrança já foi ajuizada no Tribunal de Justiça do Estado para solucionar o impasse, que já foi comunicado o TRE paraibano.

A Corte deverá se pronunciar sobre o caso nos próximos dias.

A informação foi veiculada com exclusividade na coluna do jornalista Heron Cid, no Correio da Paraíba desta sexta-feira (5).

Fonte Alexandre Freire
Compartilhe no Google Plus
    Faça seu comentario pelo Gmail
    Faça seu comentario pelo Facebook

0 comentários:

Postar um comentário

Os comentários publicados aqui não representam a opinião do portal e são de total responsabilidade de seus autores.

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.