Catorze armas de fogo são apreendidas em menos de 48 horas na Paraíba


Apreensões aconteceram nas cidades de João Pessoa, Campina Grande, Patos, Bayeux, Itaporanga e Mataraca

Divulgação
No total, 15 pessoas foram detidas por porte ilegal de arma
A Polícia Militar apreendeu 14 armas de fogo, do último sábado (27) até a madrugada desta segunda-feira (29), nas cidades de João Pessoa, Campina Grande, Patos, Bayeux, Itaporanga e Mataraca. As apreensões fizeram parte da Operação Réveillon, que reforça a segurança na Paraíba até o dia 2 de janeiro com o incremento de 1.500 policiais. No total, 15 pessoas foram detidas por porte ilegal de arma.

A capital paraibana foi a cidade em que mais foram apreendidas armas durante as ações, que incluíram blitzen e abordagens em vários bairros. Em uma das abordagens realizadas em um táxi, na noite desse domingo (28), no bairro do José Américo, dois homens foram presos com dois revólveres calibre 38 dentro do veículo. Gerliano Faustino Macena Mendonça, de 30 anos, e André Gustavo de Almeida Belo, 31, foram levados para a 9ª Delegacia Distrital, em Mangabeira. Foram registradas cinco apreensões em João Pessoa, nos bairros dos Ipês, Róger, Funcionários II e Valentina.
Em Campina Grande foram apreendidas três armas de fogo durante as atividades da operação. Duas no bairro Santo Antônio, em uma abordagem a José Breno Valdino Lino e Naftalin Ramos de Lima, de 22 anos cada. Eles foram encontrados com um revólver e uma espingarda. A outra arma apreendida na cidade foi no bairro Presidente Médici, após abordagem à moto de Diógenes Monteiro da Silva, de 32 anos. Os dois casos foram registrados na Central da Polícia Civil.
No Sertão do Estado, foram apreendidas duas armas na cidade de Patos e uma em Itaporanga. Nesta última, José Feitosa de Araújo, de 62 anos, foi interceptado com revólver calibre 38, nesse domingo. Ele teria discutido minutos antes com outro homem e estava à procura dele.
Lançada no último sábado (27), a operação vai intensificar as rondas e abordagens até o dia 2 de janeiro em toda Paraíba, com um reforço de 1.500 policiais militares. Durante a noite da virada do ano, as ações vão priorizar os locais de maior concentração de pessoas por causa dos festejos. A operação intensifica a segurança também no trânsito. Portal Correio
Compartilhe no Google Plus
    Faça seu comentario pelo Gmail
    Faça seu comentario pelo Facebook

0 comentários:

Postar um comentário

Os comentários publicados aqui não representam a opinião do portal e são de total responsabilidade de seus autores.

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.