Entenda como os hormônios podem influenciar na saúde e no dia a dia

#portalbrejonews #noticia #brejonews



Bem Estar desta terça-feira (11) explicou o papel dos hormônios no corpo. Médicos explicaram ainda por que mulheres menstruam na mesma época.

Uma vida sem alegria, sem cor, sem amor, sem sentimentos e sem emoções – assim seria se o organismo não tivesse a ação dos hormônios. São eles que fazem com que as pessoas amem, odeiem, tenham explosões de prazer quando comem ou realizam alguma outra atividade prazerosa, por exemplo. No Bem Estar desta terça-feira (11), o ginecologista José Bento e a endocrinologista Claudia Cozer explicaram as funções dos hormônios e mostraram como eles têm a capacidade de interferir diretamente na saúde e no dia a dia.
No caso das mulheres, por exemplo, é comum que aquelas que passam muito tempo juntas acabem menstruando no mesmo período. Isso ocorre por causa dos feromônios, que são substâncias que exaladas pelo corpo durante essa época – eles são liberados para chamar a atenção dos parceiros, mas acabam atingindo também outras mulheres.
Por isso, de modo inconsciente, elas "captam" que as outras ao seu redor estão ovulando e também começam a liberar hormônios. Mas como explicou o ginecologista José Bento na reportagem, isso acontece com aquelas que não tomam pílula, ou seja, que não controlam a menstruação com anticoncepcional.
Os médicos falaram também sobre TPM, que muitas às vezes não percebem que têm. Além da irritação, pode ocorrer também aumento de apetite e da sensibilidade, sintomas que podem prejudicar o dia a dia. Nessa fase, é importante não tomar nenhuma decisão importante, já que é um momento de muitas alterações hormonais, como explicou o ginecologista José Bento. Caso a mulher se estresse muito, ela pode ter um aumento do hormônio do estresse, que é o cortisol – em excesso por longos períodos, ele pode prejudicar a saúde e até causar alterações no peso, no ciclo menstrual e no sono, como explicou a ginecologista.
Uma das maneiras de controlar o estresse e os sintomas da TPM é o exercício físico, que libera endorfina e outros hormônios que concorrem com os liberados na época menstrual. É possível, dessa maneira, reduzir os níveis de ansiedade e as alterações de humor, como explicou a endocrinologista Claudia Cozer. No caso dos homens, é importante também se preocupar com a atividade física, como uma maneira de aumentar a testosterona, que é o hormônio do desejo. Para mantê-los sempre nos níveis dequados, é importante também evitar álcool e cigarro.

G1
Compartilhe no Google Plus
    Faça seu comentario pelo Gmail
    Faça seu comentario pelo Facebook

0 comentários:

Postar um comentário

Os comentários publicados aqui não representam a opinião do portal e são de total responsabilidade de seus autores.

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.